A minha Sala de Estar

As minhas experiências com a técnica da colagem tiveram inicio no meu 3º ano de faculdade. Frequentava o curso de artes plásticas, e numa das unidade curriculares, A Didática do Desenho, comecei a explorar esta vertente, nem sei bem como.  O começo foi meio atribulado, digamos que não me adaptei bem aos processos de ensino, mas pensando em todo o percurso que havia tido anteriormente até que me não era uma técnica totalmente indiferente
(nos meus primeiros trabalhos recorri bastante à colagem tridimensional. pintava e desenhava na tela, e depois colava os mais diversos objectos).

A partir daqui pesquisei sobre o tema, fiz várias experiências e tentei aperfeiçoar o meu manuseamento no processo de colar papel, pode parecer fácil, mas quando o papel se cola aos dedos em vez de fixar no suporte é tramado.
Entretanto, ao mesmo tempo que fazia todos os trabalhos da disciplina, em casa também continuava a produzir. Troquei a tela como suporte pelo papel, por me parecer mais estético e simples, mas também por financeiramente ser mais agradável à carteira dos pais.

estudante de belas artes = muito dinheiro em materiais

Além desta troca, também deixei as tintas e os lápis e rendi-me à paixão das REVISTAS ! Adoro folhear revistas, ver imagens, ler textos super interessantes, ganhar brindes, enfim… Juntei a recente paixão pela colagem à eterna paixão das revistas. Cortei, rasguei, dobrei , fiz todas as atrocidades às revistas e fui crescendo na técnica e na estética. Adoro colagem e gosto de colar sobre qualquer tema, mas mais recentemente quis juntar mais interesses num só:

colagem + revistas + moda + beleza + bijuteria

Neste momento, são estes os temas que mais me interessam e sobre os quais me dedico mais, (Fashion Beauty Collage). A composição de temas de moda é um trabalho actual, e a bijuteria neste mundo entra num próximo capítulo.

Com isto tudo, consigo juntar várias paixões num trabalho apenas. E este trabalho é feito onde? Na minha sala de estar.

IMAGINEM:

SaladeEstar